segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Canção da caverna

Conto os dias
e espero os ventos
da lembrança antiga
o esquecimento
das paredes frias
o esmagamento
(pó ao pó)
lamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário